Como achar e aproveitar promoções de passagens aéreas

Oi gente, tudo bem?

Hoje quero compartilhar com vocês algumas dicas importantíssimas que vão te ajudar a achar e aproveitar as melhores promoções de passagens aéreas:

  1. Assine alertas de promoções em tempo real
    Quando pesquisar passagens para seu destino e data de escolha em sites de busca e comparadores de preço (como por exemplo Kayak, 123 milhas, decolar.com, skyscanner, ViajaNet, etc.), ative os alertas no site para quando o preço estiver menor do que o que você está olhando no momento. Eles enviarão por e-mail sempre que baixar.
    Entre também nos buscadores de promoções, que te redirecionam para onde você pode efetivamente comprar as passagens:
    Melhores Destinos: assine para receber e-mails e baixar app para receber notificação no celular com alerta em tempo real as promoções (O app é gratuito).
    Passagens Imperdíveis: ativar notificações de publicação no perfil do Instagram deles também, além do app. Você recebe no momento que elas são publicadas.
  2. Seja rápido quando encontrar uma promoção boa
    Promoções acabam rápido, então já esteja com o planejamento preparado para não deixar passar um precinho bom para o seu destino de escolha quando ele surgir. É impossível prever quanto tempo uma oferta vai durar, então tem que ser rápido! Quanto mais barato, maiores as chances de acabar depressa, seja pelos assentos se esgotarem, ou por se tratar de um erro de tarifa que acabe sendo corrigido pela companhia aérea. Esse ano mesmo, lá pra Abril, a Copa Airlines liberou sem querer passagens para NY por R$700 em qualquer data! E vai cumprir com quem comprou.
    Portanto, já deixe combinado antecipadamente com a família ou parceiro(a) de viagem algumas datas boas para vocês viajarem. Isso pode te ajudar muito na hora que a promoção surgir, para não ter que ficar muito tempo esperando a outra pessoa pensar e te dar uma resposta. “O combinado não sai caro”.
  3. Flexibilidade de datas
    Tente planejar viagens fora da alta temporada (normalmente em Dezembro/Janeiro e Junho/Julho/Agosto) sempre que possível. É quando todo mundo quer viajar e os preços tendem a ser bem mais altos. Além disso, alterar as datas de ida e volta em alguns dias pode resultar em passagens muito mais em conta. Os sites de busca geralmente já mostram lá em cima a opção de ver como estão os preços em datas próximas a que você está pesquisando, mais ou menos 3 dias antes e 3 dias depois. Mas se você só pode viajar em determinadas datas, fique ligado, pois quando surgirem boas oportunidades, é provável que seja uma boa oportunidade pra muita gente ao mesmo tempo! Pesquise todos os dias, e quando surgir, de novo: seja rápido.
  4. Flexibilidade de destinos
    Eu sei que muitas vezes sonhamos com um destino que colocamos na cabeça e nem pensamos em outras opções, mas se você ama viajar e quer fazer disso algo frequente na sua vida, deixe a mente aberta para vários destinos. Porque, por exemplo, às vezes aparece uma tarifa inacreditável para um lugar que você nunca pensou antes em ir, mas que acaba sendo uma ótima alternativa! Sua próxima viagem pode ser para um país ou cidade que você não esperava, mas que vai acabar curtindo muito! Se um destino diferente estiver com uma super promoção, por que não aproveitar?
  5. Saber a hora certa de comprar passagens aéreas
    Aqui vou desmentir uma “verdade absoluta” dissiminada por aí: reservas de avião com muita antecedência não são um bom negócio. Muita gente pensa (porque as próprias companhias aéreas dizem) que quanto antes você comprar mais barato vai pagar, mas não é bem assim! A verdade é que as cias aéreas tem o interesse de encherem os seus vôos o mais breve possível e por isso estimulam a compra antecipada, mas as menores tarifas costumam aparecer entre 30 e 45 dias de antecedência para vôos nacionais em baixa temporada, ou entre 45 e 60 dias na alta temporada e feriados. Quando elas percebem que seus vôos ainda tem lugares para preencher e ficam com medo de saírem no prejuízo, elas precisam lançar promoções que chamem mais passageiros. Para vôos internacionais, recomendamos o dobro desse tempo.
    Já aconteceu de você comprar sua passagem com antecedência e faltando uns 30 dias para ir viu que saíram promoções? Pois é. Já comprei passagem na Black Friday achando que tava arrasando e 1 semana depois os preços caíram mais ainda! Aff.
    Então qual seria o momento ideal para comprar passagens aéreas? (Uma média, ok?)
    – Quando comprar passagens aéreas nacionais:
    Baixa temporada: de 25 a 40 dias antes
    Alta temporada: de 60 a 90 dias antes
    – Quando comprar passagens aéreas internacionais:
    Baixa temporada: de 30 a 60 dias antes
    Alta temporada: de 60 a 120 dias antes
    Atenção: na alta temporada os preços são mesmo maiores, portanto não dá pra esperar que apareça uma passagem para voar no Réveillon no mesmo preço dos vôos para o mês de Outubro, por exemplo! Uma coisa que já aceitei nessa vida é que se eu quero viajar num feriado, vou ter que pagar o preço de feriado. Não adianta achar que está caro.
    E comprar muito em cima? Também não é aconselhável. O tempo máximo que você pode esperar para comprar sua passagem é de 1 mês antes da sua viagem. Se você deixar chegar a 3 semanas faltando para a data que deseja embarcar, se prepare para pagar bem mais caro, porque as cias aéreas aumentam os preços de novo pensando que os desesperados que deixaram para comprar de última hora vão ter que pagar o preço que for para ir na urgência.
    6. Pesquise todos os dias
    Quando você vai viajar por conta própria (sem deixar nas mãos de uma agência de viagens, por exemplo, que vai pesquisar por você), você tem que estar preparado para se dedicar às pesquisas. Acompanhe os preços todos os dias, assine para receber as promoções online em tempo real, procure posts de promoções do ano passado para ter uma ideia de quando os preços costumam baixar e comparar valores com esse ano atual, e ter uma noção se o preço que está vendo está barato ou caro. Essa parte exige muito controle da ansiedade, para que você não chute o balde nem para pagar qualquer preço nem para desistir da sua viagem por causa das tarifas das cias aéreas.

Qualquer dúvida, já sabem: podem mandar nos comentários. Ajudei?

b e l. 🙂

Isabel Costa

O (eu) implícito do "venho por meio deste".

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *